Sexóloga responde perguntas sobre prazer e desejo

mulheressexoforte

Fátima Protti tira dúvidas sobre gel estimulante, reposição hormonal e outros

Li uma reportagem sobre tomar testosterona em pequenas doses para melhorar o desejo. Isso procede? Este hormônio pode provocar crescimento dos pelos e engrossar a voz? Existe algum estimulante natural?

O uso da testosterona para aumento da libido feminina ainda está em estudo devido aos riscos de câncer de mama, aumento de gordura e glicose no sangue. As mudanças nos pelos, cabelos ou voz são os menores dos problemas.

Além disso, testosterona só é eficaz para aumentar a libido caso a mulher necessite da reposição do hormônio. Ou seja, nos casos em que a falta ou baixa de libido está relacionada com problemas no relacionamento conjugal, problemas sexuais ou desinteresse afetivo pelo parceiro, o efeito não acontece.

Existem propagandas de medicações naturais ou homeopáticas que prometem o aumento da libido, mas nada com garantia científica de sucesso.

Um novo medicamento deve chegar ao mercado brasileiro no fim do ano que vem e promete resolver o problema de libido. Mas a eficácia da medicação esbarra nos aspectos acima mencionados, beneficiando apenas as mulheres com necessidade de reposição química para melhorar sua condição de bem estar e satisfação.

É verdade que o vinho é afrodisíaco? Pra mim funciona muito bem.

O vinho leva a fama de bebida afrodisíaca desde os tempos em que os romanos homenageavam o deus Baco, que personificava um jovem festivo e entregue aos prazeres da vida.

O vinho ou qualquer bebida alcoólica é, em um primeiro momento, desinibidor dos centros superiores do cérebro e promove desenvoltura da fala, do pensamento, euforia, sentimento falso de poder, desinibição do senso crítico e impulsos sexuais. Contudo, depois de algum tempo e com a ingestão contínua de álcool, ele passa a ser um depressor dos centros inferiores provocando relaxamento, sonolência, irritabilidade e às vezes crises depressivas. É preciso dosar a bebida para que o momento possa ser bem aproveitado de forma consciente.

Para quem aprecia, um bom vinho ajuda os mais inibidos a se descontrair dando vazão para o desejo e possibilitando o melhor aproveitamento afetivo e sexual daquele momento. Na verdade, todo o ritual que se organiza para o encontro: escolha da pessoa, o ambiente, o vinho e todo significado que vai se construindo previamente já é extremamente afrodisíaco.


Qual gel vaginal eu escolho para ter mais prazer e como ele funciona?

O gel deve ser escolhido de acordo com o objetivo de uso que o casal tem em mente. Ele é somente mais um recurso diante de uma variedade de produtos para a obtenção do prazer, como camisinhas, óleos corporais, perfumes, brinquedos eróticos.

Hoje no mercado existem vários tipos de gel lubrificante íntimo: inodoro e incolor (o mais conhecido); coloridos ou com efeitos térmicos, que esquentam ou esfriam. Há também o gel conhecido como redutor vaginal e um lubrificante anestésico que promete novas sensações. Para relações anais o gel com anti-séptico e cicatrizantes naturais é o indicado.

O importante é que qualquer gel seja à base de água para não danificar a camisinha. Além disso, o gel hipoalergênico pode ser interessante para mulheres com hipersensibilidade.

Fonte: “Delas”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Spam Protection by WP-SpamFree