Ultrassom Obstétrico com Doppler

Exame feito para avaliar as circulações sanguíneas no feto, entre o feto e a placenta e entre a mãe e a placenta. Além disso, avalia-se também a anatomia, o crescimento, a posição e a apresentação do bebê, a quantidade de líquido amniótico e as características da placenta.

Idade gestacional: Geralmente na segunda metade da gravidez.

Técnica: O exame é realizado por via abdominal, com a gestante deitada em decúbito dorsal horizontal (com o abdome para cima). Após aplicação de pequena quantidade de gel sobre a pele do abdome, o médico desliza levemente um transdutor sobre a área de interesse. Pode ser necessário que uma leve pressão seja exercida, para que alguma estrutura fetal seja visibilizada com mais nitidez. Esta manobra não prejudica a mãe nem o bebê e a paciente será avisada quando de sua necessidade. Em raras ocasiões, pode ser útil a complementação do exame por via vaginal. Caso esta avaliação seja indispensável, o médico explicará o motivo à paciente.

Limitações: A ultrassonografia obstétrica com Doppler não tem como objetivo a pesquisa detalhada da anatomia fetal, com intuito de confirmar a normalidade e diagnosticar malformações. Os exames com esta finalidade são os morfológicos de primeiro e segundo trimestres, realizados em idades gestacionais que permitem ao médico as melhores condições para avaliação da anatomia do bebê. Fonte: Pró Vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Spam Protection by WP-SpamFree