Amenorréia primária

20151021_084515

Amenorréia primária é a ausência de menstruação em uma menina de 14 anos que não apresenta ainda desenvolvimento de caracteres sexuais secundários (mamas, pêlos, estirão do crescimento), ou a ausência de menstruação em menina de 16 anos que já apresenta caracteres sexuais secundários.

Menarca refere-se à ocorrência da primeira menstruação. Nas amenorréias primárias a menina não teve menarca , ou seja, a primeira menstruação.

Como se desenvolve e quais são as causas?

As causas de amenorréia primária podem ser:

fisiológica, familiar (quando outras meninas da família tiveram menarca mais tarde)
relacionada ao peso (pacientes com peso muito abaixo ou muito acima do normal)
mal formações do trato genital (hímen imperfurado, septos vaginais, agenesia uterina
disgenesia gonadal (alterações genéticas associadas a amenorréia primária)
tumores do sistema nervoso central

Como o médico faz o diagnóstico?

Investigação

É uma história clínica detalhada, com atenção especial aos seguintes aspectos:

cronologia do desenvolvimento dos caracteres sexuais secundários
presença de pelos axilares e púbicos
antecedentes familiares de problemas genéticos e relativos à puberdade e menarca
história de traumatismo, radioterapia, quimioterapia.

Exame clínico:

avaliação de peso e altura
exame ginecológico (existe presença de hímen imperfurado? de septos vaginais?)
pesquisar sinais clínicos de alterações genéticas – Estigmas
observar estágio do desenvolvimento de pêlos, mamas, estirão puberal
exame do abdômen para avaliação de massas e da região inguinal

Exames específicos

Existem vários exames laboratoriais que podem ser realizados em pacientes com amenorréia primária, seu médico saberá quais estão indicados para cada caso.

Alguns exames que podem ser realizados:

hormonais
avaliação de idade óssea
ecografia pélvica
cariótipo

Como se faz o tratamento?

O tratamento da amenorréia primária é variável de acordo com a causa da amenorréia. O seu ginecologista deve estar apto a lhe indicar a melhor forma de tratamento.

É preciso saber também que amenorréia secundária é a ausência de menstruação por um período maior do que 3 meses em mulher que anteriormente já apresentou ciclos menstruais.

As amenorréias, tanto primária quanto secundária, necessitam de avaliação. Seu médico saberá o momento em que deve ser iniciada a investigação.

Fonte: Tua Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Spam Protection by WP-SpamFree