Tag Arquivos: Mioma

Diagnóstico e tratamento de miomas

moima-uterino

Grande parte dos miomas é descoberta durante o exame de rotina, pois na maioria dos casos, eles não incomodam a mulher. Mais uma boa razão para ir regularmente ao ginecologista. A necessidade de tratamento do problema está relacionada com a presença de sintomas e a escolha da melhor opção deve ser feita em conjunto com o médico. Mas é preciso atenção, pois quanto mais tempo se leva para diagnosticá-los e tratá-los, mais os casos se complicam.

Mesmo que o ginecologista tenha percebido o aumento do útero da mulher – sintoma que indica a presença de mioma – o diagnóstico só poderá ser confirmado pela realização da ultrassonografia abdominal, que é um exame simples e indolor. Tal técnica possibilita que o médico determine o tamanho, a forma e a textura do útero.

Miomas afetam cerca de 40% das mulheres

A grande incidência na população feminina – cerca de 40% das mulheres – e o fato de ser mais comum na raça negra fazem os miomas mais frequentes na população baiana. Essas tumorações benignas do útero podem variar quanto à localização e tamanho, e têm como principal sintoma o distúrbio menstrual, com aumento do fluxo e do número de dias de menstruação, podendo causar, além de dor pélvica, até mesmo infertilidade.

O mais preocupante é a alta incidência da doença, que afeta as mulheres em idade reprodutiva. Além das mulheres de raça negra, é preciso considerar a herança genética, analisando se existe histórico dessa patologia na família, pois essas pacientes têm a probabilidade de desenvolver miomas aumentada. Os cuidados para a prevenção e detecção prévia da doença devem ser iniciados com a primeira menstruação.

Os tratamentos são definidos de acordo com fatores como a idade e desejo reprodutivo da paciente, além de características do mioma.

Os miomas diminuem a fertilidade?

infertilidade

Embolização dos Miomas serve como tratamento da infertilidade?

Para responder essa pergunta é necessário antes responder outra: Os miomas diminuem a fertilidade?

A relação entre miomas e infertilidade ainda não está bem definida. Sabe-se que somente 1-3% dos pacientes que sofrem de infertilidade a causa principal é a miomatose, embora a presença dos miomas possa ocorrer numa freqüência muito maior. A diferenciação das causas é muito importante, pois muitas vezes o mioma é apenas um coadjuvante num problema maior e o médico com formação em reprodução humana é o recomendado para essa avaliação. O mioma submucoso, quando tratado aumenta a fertilidade.
Quando há necessidade do tratamento dos miomas, várias técnicas podem ser propostas, mas devem ser avaliadas de forma individual. A histectomia, cirurgia de retirada do útero, embora seja um solução definitiva, inviabiliza qualquer possibilidade de uma gestação posterior, então, deve ser evitada sempre que possível para a mulher em idade fértil com intenção de ter filhos. A miomectomia consiste na retirada dos miomas por videolaparoscopia, cirurgia aberta tradicional ou vaginal por histeroscopia cada qual com suas vantagens e desvantagens.
Atualmente, uma técnica minimamente invasiva está sendo cada vez mais utilizada, a embolização dos miomas, ou melhor, embolização da artéria uterina. A embolização é um procedimento endovascular, ou seja, é feito por cateteres e punção, ao invés de cortes cirúrgicos. É colocada, através desses cateteres, uma substancia que vai impedir a alimentação sangüínea desses miomas, causando uma isquemia controlada e consequente morte desses miomas por falta de sangue.